segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Hoje é um dia especial....

Dizem que para o amor chegar não há dia...

Não há hora...
E nem momento marcado para acontecer.
Ele vem de repente e se instala...
No mais sensível dos nossos órgãos... o coração.

Começo a acreditar que sim...
Mas percebo também que pelo fato deste momento...
Não ser determinado pelas pessoas...
Quando chega, quase sempre os sintomas são arrebatadores...
Vira tudo às avessas e a bagunça feliz se faz instalada.

Quando duas almas se encontram o que realça primeiro...
Não é a aparência física, mas a semelhança das almas.
Elas se compreendem e sentem falta uma da outra....
Se entristecem por não terem se encontrado antes...
Afinal tudo poderia ser tão diferente.

No entanto sabem que o caminho é este...
E que não haverá retorno para as suas pretensões.
É como se elas falassem além das palavras...
Entendessem a tristeza do outro, a alegria e o desejo...
Mesmo estando em lugares diferentes.

Quando almas afins se entrelaçam...
Passam a sentir saudade uma da outra...
Em um processo contínuo de reaproximação...
Até a consumação.

Almas que se encontram podem sofrer bastante também,
Pois muitas vezes tais encontros acontecem...
Em momentos onde não mais podem extravasar...
Toda a plenitude do amor...
Que carregam, toda a alegria de amar...
E de querer compartilhar a vida com o outro,
Toda a emoção contida à espera do encontro final.

Desejam coisas que se tornam quase impossíveis,
Mas que são tão simples de viver.
Como ver o pôr-do-sol...
Ou de caminhar por uma estrada com lindas árvores...
Ver a noite chegar...
Ir ao cinema e comer pipocas...
Rir e brincar...

Brigar às vezes,
Mas fazer as pazes com um jeitinho muito especial.
Amar e amar, muitas vezes...
Sabendo que logo depois poderão estar juntas de novo...
Sem que a despedida se faça presente.

Porém muitas vezes elas se encontram em um tempo...
E em um espaço diferente...
Do que suas realidades possam permitir.

Mas depois que se encontram...
Ficam marcadas ... tatuadas...
E ainda que nunca venham a caminhar para sempre juntas...
Elas jamais conseguirão se separar...
E o mais importante ...
Terão de se encontrar em algum lugar.

Almas que se encontram jamais se sentirão sozinhas...
Porquanto entenderão, por si só, a infinita necessidade...
Que têm uma da outra para toda a eternidade.
Autor desconhecido...

Rio Juruá

Fonte: Ac24hs

Conselho Regional de Enfermagem do Estado do Acre


11 de Setembro de 2011

Click aqui para maiores informações.

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Evolução nos fatores de riscos

Um estudo de pesquisadores na Dinamarca mostrou que o nível de triglicérides sem jejum está relacionado a um risco maior de AVC em homens e mulheres. Já o colesterol alto esta associado a tal risco apenas entre os homens. A pesquisa, que analisou dados de 33 anos, foi publicada pelo jornal científico “Annals of Neurology”.

Evidências médicas sugerem que o alto nível de triglicérides sem jejum demonstra uma grande quantidade de fragmentos de lipoproteínas, partículas semelhantes ao LDL – conhecido como “colesterol ruim”. Ambos contribuem para a formação de placas que podem levar ao entupimento das vias coronarianas.

“Interessantemente, as guias atuais de prevenção de derrames têm recomendações quanto a níveis desejáveis de colesterol, mas não de triglicérides sem jejum”, disse a autora do artigo, Dra. Marianne Benn, do Hospital Universitário de Copenhague.

“Nosso estudo foi o primeiro a examinar o risco de derrame para níveis muito altos de triglicérides sem jejum em comparação com níveis muito altos de colesterol na população geral”, prosseguiu.

Mulheres com o triglicérides em 443 mg/dL têm uma possibilidade quase 3,9 vezes maior de sofrerem um derrame, em comparação com as que tem o nível em até 89 mg/dL. Entre os homens, com estes mesmos indicadores, o risco é 2,3 vezes maior. No entanto, quando o nível de colesterol passa de 348 mg/dL, o risco relativo sobe para 4,4.

O estudo acompanhou 7.579 mulheres e 6.372 homens, todos brancos e de origem dinamarquesa. Seus dados começaram a ser coletados entre 1976 e 1978 e foram analisados ao longo de até 33 anos.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), as doenças coronarianas são a principal causa de mortes no mundo. A estimativa mais recente, de 2004, apontou que 17,1 milhões de pessoas morriam em decorrência delas por ano; 5,7 milhões por causa de derrames.

Fonte: G1

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Copa do Brasil 2011

Rio Branco 2
Atlético Paranaense 1
Agora e na Arena da Baixada - Curitiba
dia 02 de Março as 19:30hs
Vamos lá Guerreiros Acreanos.....

1o. TEMPO



Rio Branco 2 X 0 Atlético Paranaense
Juliano Cesar aos 28 minutos;
Alê contra aos 34 minutos.
Click aqui e acompanhe ao Vivo.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Evolução da Enfermagem no Acre

Veja a maquete da construção do Conselho Regional de Enfermagem no Acre - COREN/AC


A nova estrutura contará com biblioteca informatizada  para os profissionais e estudantes realizarem suas pesquisas, auditório para realização de pequenos eventos e reuniões. A estrutura será equipada com rampa de acesso para deficiente físico além de elevador. A estrutura permitirá que seja implantada uma organização administrativa compatível com o que há de melhor para realização do atendimento aos profissionais de enfermagem e ao público em geral.

Fonte: COREN/AC

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

A Luta Continua....

O Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, reuniu-se na sede do ministério em São Paulo, ouviu dos representantes do Conselho Federal de Enfermagem, Ivone Martini, da Associação Brasileira de Enfermagem, Emiko Yoshika Egry, da Federação Nacional de Enfermagem, Solange Caetano, da representante do Coren de Santa Catarina, Silvana Pereira e da Aben-SC, Ana Kirchoff,  as principais reivindicações da profissão, em especial a jornada de trabalha das 30 horas semanais.

Padilha garantiu que o ministério está sensível ao projeto das trinta horas, mas quer voltar a discutir a questão relacionada a saúde da família.  O ministro acreditava que havia consenso entre as organizações da enfermagem e o ministério em deixar de fora do projeto a equipe que compõe a saúde da família ligado aos SUS.


Coube a representante do Cofen, Ivone Martini, esclarecer ao ministro que as entidades e organizações pleiteiam às 30 horas para todos os profissionais da enfermagem brasileira. Sem nenhuma distinção. 

“Ministro, não há nenhum acordo firmado anteriormente entre as organizações representativas da enfermagem para que os profissionais de enfermagem que formam a equipe de saúde da família cumpram uma carga acima das trinta horas, pleiteadas no projeto que de lei que aguarda votação na Câmara Federal”, esclareceu Ivone Martini. 

Com a informação ficou agendada para o dia 24 de fevereiro próximo, na sede do ministério em Brasília, uma outra reunião para discutir exclusivamente sobre esta questão envolvendo a equipe de saúde da família. Que, aliás, tem sido o principal óbice do ministério ao projeto de lei.

Alexandre Padilha informou ainda que tem duas preocupações: uma é retomar o diálogo com as representações da enfermagem e, a segunda, é organização e realização da Conferência Nacional de Saúde. Em ambas, o ministro pediu o apoio das organizações presentes a reunião. 

Por orientação do presidente do Cofen, Ivone Martini encaminhou ao ministro um pedido para que condicione a abertura de novos cursos de enfermagem a um parecer do Conselho Nacional de Saúde. Proposta que a priori o ministro demonstrou simpatia. 

Participou também da reunião a deputada estadual de Santa Catarina Ana Paula Lima (PT).


Fonte: Imprensa Cofen

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

E o salário oh!

Vamos Relembrar


Click aqui e veja a matéria sobre o aumento nos salarios dos deputados e senadores da republica;
A votção não durou mais de uma hora.


Click aqui e veja a matéria sobre o aumento nos salarios dos Trabalhadores;
A votação durou mais de 10 horas.


Click aqui e veja a foto de tristeza dos desputados. coitados..........



quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

30 horas já!

Em entrevista concedida a GloboNews, jornal das dez, o presidente do Conselho Federal de enfermagem, Manoel Carlos Neri da Silva, esclareceu que os erros registrados de profissionais da enfermagem nos últimos dias retratam a falta de políticas públicas e a sobrecarga na jornada de trabalho dos profissionais.
Click aqui e leia toda matéria sobre esse assunto.


Agenda Incomum!

Uma agenda política comum aos Conselhos Federais de Enfermagem e Medicina foi a principal pauta da reunião ocorrida entre Manoel Carlos Neri Silva, Presidente do COFEN, e Roberto Luiz D'Ávila, presidente do CFM, ontem (15), durante uma visita de cortesia feito pelo primeiro a convite do segundo.

Durante o encontro ficou acertado  que os dois principais conselhos da área da saúde vão iniciar um processo de aproximação, visando a construção de uma agenda que contemple o fortalecimento das profissões. O primeiro ponto a ser colocado em pauta é uma campanha para coibir a proliferação de cursos de formação sem as condições ideais para seus funcionamentos. O segundo, conforme acertado, é a defesa pelo fortalecimento do Sistema Único de Saúde, entre outros.

Em relação ao projeto de lei que trata da regulamentação da Medicina (Ato Médico), principal dissenso entre os dois conselhos, ficou acordado que será aberto um canal de conversação entre o COFEN e CFM de modo que resguarde a lei do exercício profissional da enfermagem.

“O presidente do CFM demonstrou interesse em estreitar os laços entre as duas principais Autarquias Federais da área de Saúde e se colocou a disposição para que possamos construir uma agenda comum de lutas para o fortalecimento das profissões. Ficou acertado ainda que vamos trabalhar para impedir que haja extrapolação na atuação em áreas que são legalmente limitadas ao exercício de cada profissão”, anunciou Neri. 

Para Manoel Carlos, é preciso que o exercício profissional se atenha as suas respectivas áreas de atuação regulamentadas pela legislação vigente. “A enfermagem trabalha em equipe com a Medicina e jamais vai exercer competências além dos limites estabelecidos em lei”, disse.

Roberto D'Ávila, a convite do presidente  Manoel Carlos Neri, prometeu retribuir a visita na próxima reunião plenária do Conselho Federal de Enfermagem, na sede do Cofen.
Fonte: Cofen.gov.br

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Adeus "Gripe"

Cientistas produzem vacina que pode combater todas as variações da gripe.


Click aqui e leia toda reportagem.

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Remédio Popular

O programa Aqui Tem Farmácia Popular vai oferecer medicamentos contra hipertensão e diabetes de graça. Atualmente, o governo paga 90% do valor desses medicamentos e o cidadão tinha de arcar com o restante. Com a medida anunciada ontem (2) pelo governo, os remédios passam a ser distribuídos gratuitamente.

As 15 mil farmácias e drogarias privadas conveniadas ao programa têm até o dia 14 de fevereiro para se adaptar à medida. Qualquer brasileiro pode ter acesso aos medicamentos desde que apresente um documento com foto, o CPF e a receita médica.

Segundo o Ministério da Saúde, cerca de 900 mil hipertensos e diabéticos devem ser beneficiados com a medida. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, disse que a oferta gratuita desses remédios só foi possível graças a um acordo negociado entre o governo e o setor farmacêutico.

O programa oferece ainda remédios subsidiados para mais cinco doenças: asma, rinite, Mal de Parkinson, osteoporose e glaucoma, além de fraldas geriátricas. No total, são 24 tipos de medicamentos.
Click aqui e veja a relação desses medicamentos.


terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Eu já sabia!

E-mail recebido

Logo Câmara dos DeputadosAcompanhamento de Proposições
Brasília, terça-feira, 01 de fevereiro de 2011
Prezado(a) Joel Correia de Queiroz Júnior, 
Informamos que as proposições abaixo sofreram movimentações.

          do Técnico de Enfermagem, do Auxiliar de Enfermagem
  • e da Parteira.

- 31/01/2011Arquivado nos termos do Artigo 105 do Regimento
 Interno da Câmara dos Deputados.

  • PL-05983/2009 - Altera o inciso "c" do art. 2º da Lei nº 2.784,
      de 18 de junho de 1913, visando a alterar o fuso horário do 
      estado do Acre e parte do estado do Amazonas do fuso Greenwich
      "menos quatro" para o fuso "menos cinco".
- 31/01/2011Arquivado nos termos do Artigo 105 do Regimento Interno
 da Câmara dos Deputados.

Click aqui e acesse a proposição da enfermagem.

Campanha

Campanha