quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Atualização das Cadernetas de Vacinação

De 18 a 24 deste mês, uma campanha nacional faz o chamamento para que pais e responsáveis de crianças com até 5 anos de idade procurem as unidades de saúde e postos de vacinação para a atualização do esquema vacinal, com todas as vacinas do calendário básico. Esse tipo de mobilização garante o aumento das coberturas de rotina, com desempenho favorável para as metas definidas pelo Ministério da Saúde.
Crianças menores de 5 anos de idade deverão ser levadas a um posto de vacinação para que a caderneta de saúde seja avaliada e o esquema vacinal, atualizado. Estarão disponíveis para essa ação todas as vacinas do calendário básico da criança. São elas: a BCG, hepatite B, pentavalente, Vacina Inativada Poliomielite (VIP), Vacina Oral Poliomielite (VOP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

A população rural está sendo atendida de casa em casa. A campanha é realizada em conjunto com programas de agente comunitário de saúde e programa de saúde da família. O PNI/AC também irá monitorar cobertura vacinal e acompanhar o fluxo de vacinação em todo o Estado para detectar e resolver falhas que possam atrapalhar a imunização dessas crianças. Em doenças agudas febris moderadas ou graves, recomenda-se adiar a vacinação até a resolução do quadro, com o intuito de não se atribuir à vacina as manifestações.

A coordenação do Programa Nacional de Imunização lembra que todos os centros de saúde mantêm também a vacina contra a hepatite B para pessoas até 29 anos e populações vulneráveis, e incentivo ao teste rápido para as hepatites B e C.

Pentavalente, Vacina Inativada Poliomielite (VIP) e Vitamina A – Crianças menores de 5 anos receberão a vacina pentavalente em substituição à tetravalente. É injetável e atua contra difteria, tétano, coqueluche e Haemophilus influenzae tipo b (meningite e outras doenças bacterianas) - e a vacina contra a hepatite B. A Vacina Inativada Poliomielite também é injetável e tem maior cobertura contra a doença.

A novidade desta campanha é a suplementação da vitamina A para crianças com idade entre 6 meses e 5 anos incompletos. A ação integra o projeto Brasil Carinhoso, que prioriza as regiões Norte, Nordeste e parte do Estado de Minas Gerais. A vitamina A auxilia na redução de infecções e da morbimortalidade infantil e contribui para a saúde da visão e o pleno desenvolvimento cognitivo. A criança deve receber duas doses anuais (não-injetáveis) - uma a cada seis meses.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Campanha

Campanha