quinta-feira, 10 de março de 2011

Exemplo à ser seguido

Carta Protesto

Senhores: Governador, Senadores e Deputados do Acre

Integro a comunidade cruzeirense desde 23 de Maio de l951 quando aqui cheguei para dar minha modesta contribuição no desenvolvimento desta cidade distante, sofrida, mas hospitaleira e muito querida Cruzeiro do Sul.

Nesses 60 anos vivenciei momentos dos mais variados: Alegrias, tristezas e algumas decepções. Assisti diversas resoluções políticas, desde a época de Getulio Vargas, passando por regimes totalitários, e alguns tipos de democracias, inclusive aquela de saudosa memória, em que a vontade expressa da maioria do eleitor nas urnas, tinha poder de decisão. Ninguém ousava contestar. Era LEI e LEI com letra maiúscula.

Hoje invade no meu peito de octogenário, a tristeza de sentir e ver a um verdadeiro ultraje na Constituição do País. A vontade expressa de um povo em um REFERENDO, processo legal em todas as normas, sobre o necessário retorno ao antigo HORARIO DO ACRE, transformada em lixo, desrespeitada e habilmente ultrajada, porinteresses pecuniários de emissoras e políticos que 
não vivem a realidade do povo acreano e em especial a do cruzeirense.

De repente levanta-se o questionamento, será que também o processo eleitoral que elegeu os senhores: governador, senadores e deputados das três casas, não deveriamter o mesmo destino? Ou seja, tornar-se sem valor, uma vez que foram eleitos pelo mesmoprocesso e pelos mesmos eleitores.

Sinto vergonha senhores de uma situação desta em nosso País, Estado, e especialmente em nossa cidade que por ser a mais ocidental, nota-se de modo diferente os efeitosdesse decreto que não foi pedido e muito menos desejado.

O que mais estranho é não ver os nossos defensores – aqueles que colocamos no comando para nos defender -, se pronunciarem. Estão omissos, se retraindo como alguém que não tem obrigação de seguir na vanguarda das lutas em beneficio do povo que oselegeu.

Esperamos merecer dos nossos “generais” políticos, um grito bravo e destemido, para o resgate dos males sofridos na nossa Constituição e enfim sentirmos orgulho donosso Brasil, de seu maravilhoso hino e “deitarmos eternamente num berço esplendido”.

Edson do Vale Sidou

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Campanha

Campanha