quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Tabela Salarial

A área de saúde inclui hospitais, clínicas, serviço público, atendimento personalizado em domicílio e para empresas.
Nos últimos anos, as empresas que atuam na área de saúde ampliaram o leque de atendimento. Diversos profissionais, de diversas áreas, foram incorporados ao clássico modelo de médico-enfermeiro-farmacêutico.
A atenção à saúde, hoje, abraça mais de 23 profissões, de níveis de especialização e atendimento diferentes. E o profissional da área de saúde, hoje, recebe salários padronizados, acima do que o mercado paga para funções comuns.
Se você deseja trabalhar na área de saúde, saiba que o seu salário dependerá da função exercida na organização, das horas de trabalho disponibilizadas, da qualificação exigida para o cargo, entre outras funções.
Conheça aqui os profissionais da área de saúde e quais são os salários pagos pelo mercado.

Funções e Salários da Enfermagem, para 2015

Dentro da área de saúde, existem 3 níveis de especialização em enfermagem.
O auxiliar de enfermagem atua sempre sobre supervisão de um enfermeiro e um médico, e auxilia na instrumentação cirúrgica, na aplicação de medicamentos, na supervisão de pacientes internados, na organização de materiais hospitalares e medicamentos, entre outras funções de nível auxiliar.
Geralmente faz um curso técnico de curta duração, aliado à formação com ensino médio.
Por este motivo, o auxiliar de enfermagem não tem um salário tão bom oferecido pelo mercado. Dados do CAGED – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – do Ministério do Trabalho divulgam que o salário médio de admissão deste profissional é de R$ 1.312,00.
O menor salário oferecido é de R$ 927,00, e o maior de R$ 2.400,00. Lembrando ainda que o salário de um auxiliar de enfermagem pode aumentar em caso de plantões e jornadas noturnas.
Já o técnico em enfermagem  tem um salário maior, pois também tem mais responsabilidades.
Atua em parceria com o enfermeiro e o médico, orientando pacientes, aplicando medicamentos e fazendo curativos, orientando sobre procedimentos médicos e instrumentação cirúrgica, entre outras funções. O curso técnico em enfermagem é considerado complemento ao ensino médio formal, e geralmente tem 2 anos de duração.
O salário médio oferecido pelo mercado é de R$ 1.647,00, dados da Catho Consultoria. Lembrando que o salário do técnico em enfermagem pode também aumentar por conta de jornadas extras, plantões e jornadas noturnas.
Enfermeiro por sua vez é um profissional da saúde de nível superior. É o responsável pelo atendimento a pacientes internados, responsável também por atuar, em parceria com médicos e odontólogos, sobre as informações de pacientes internados, operados, em procedimento de curativos, entre outras informações. Também é o responsável por orientar e coordenar os trabalhos da equipe de enfermagem de hospitais e clínicas, podendo também atuar na Enfermagem do Trabalho ou em órgãos públicos.
O salário médio de Admissão é de R$ 2.581,00. Tem jornada regulamentada, e as escalas de plantões, quando necessárias, devem ser acordadas e assinaladas em carteira de trabalho. O mercado oferece salários de até R$ 4.500,00 para este profissional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Campanha

Campanha